Portugais Obras Completas: Todos os Romances (Ressurreição, A Mão e a Luva, Helena, Iaiá Garcia, Memórias Póstumas de Brás Cuba, Casa Velha, Quincas Borba, Dom Casmurro, Esaú e Jacó, Memorial de Aires) (EDITION EN LANGUE PORTUGAISE)

À propos


Este livro eletr
ô
nico apresenta todos os romances de Machado de Assis com índice detalhado e interativo.


Sobre Machado de Assis: Joaquim Maria Machado de Assis ( 1839 - 1908) foi um escritor brasileiro, considerado o maior nome da cultura nacional. Escreveu em praticamente todos os gêneros literários e é considerado o introdutor do Realismo no Brasil, com a publicação de Memórias Póstumas de Brás Cubas (1881). A crítica moderna chama de trilogia realista os três romances que marcaram um novo estilo na obra de Machado de Assis, Memórias Póstumas de Brás Cubas (1881), Quincas Borba (1891) e Dom Casmurro (1899), e que decisivamente também inovaram a literatura brasileira, introduzindo o Realismo no Brasil e precedendo outros elementos da literatura contemporânea. Hoje Machado de Assis é considerado um dos grandes gênios da história da literatura, ao lado de autores como Dante, Shakespeare e Camões.


Conteúdo:


Ressurreição
É o primeiro romance de Machado de Assis. Conta a história do Dr. Félix, um solteirão de 36 anos que, apesar de não acreditar no amor, se apaixona por uma viúva, a bela Lívia, sendo emocionalmente instável e sacudido a todo momento por impulsões de ciúme na conquista de Lívia. O romance é atribulado por causa do temperamento desconfiado e inseguro de Félix.


A Mão e a Luva
Sobre a obra: a Mão e a Luva é um romance escrito por Machado de Assis publicado em 1874.
Enredo: Guiomar é uma jovem de origem humilde, afilhada de uma baronesa e que deseja ascender socialmente. Ela é disputada por três homens: Jorge, Estevão e Luís Alves.


Helena
Sobre a obra: Helena é um dos romances de Machado de Assis. Foi publicado em 1876.
Enredo: Helena viveu num colégio interno até ser incluída no testamento de seu pai o Conselheiro do Vale, que manteve o segredo da filha bastarda até o dia de sua morte. Ela vai viver na mansão da família e conhece o seu irmão Estácio, entre eles desperta o amor.
Iaiá Garcia
Sobre a obra: Iaiá Garcia é o último romance da chamada fase romântica de Machado de Assis, publicado em 1878.
Enredo: Iaiá Garcia era filha de Luís Garcia , viúvo e funcionário público, que nela concentrava todos os seus afetos.


Memórias Póstumas de Brás Cubas
Sobre a obra: Memórias Póstumas de Brás Cubas faz parte da "trilogia realista" de Machado de Assis. O romance foi inicialmente escrito como folhetim, de março a dezembro de 1880, na Revista Brasileira e publicado como livro no ano seguinte pela editora Tipografia Nacional. O livro retrata a escravidão, as classes sociais, o cientificismo e o positivismo da época. É notado como uma das obras mais revolucionárias e inovadoras da literatura brasileira.


Casa Velha
Sobre a obra: o romance escrito em 1906, foi somente publicado em 1944, ap






ó






s a morte do autor. Um padre se instala numa casa antiga, de uma família de fidalgos, cujo o patriarca era um importante político e muito mulherengo. Dentro da trama um casal de irmãos se apaixonam sem conhecer seu laço de sangue.





Quincas Borba
Sobre a obra: Quincas Borba é um romance escrito por Machado de Assis, desenvolvido em princípio como folhetim na revista A Estação, entre os anos de 1886 e 1891 para, em 1892, ser publicado definitivamente pela Livraria Garnier. O romance faz parte da "trilogia realista" de Machado de Assis. O livro conta a história de Rubião, um rapaz ingênuo que se torna discípulo e herdeiro do filósofo Quincas Borba.


Dom Casmurro
Sobre a obra: Dom Casmurro completa a "trilogia realista" de Machado de Assis, ao lado de Memórias Póstumas de Brás Cubas e Quincas Borba, tendo sido esses dois escritos primeiramente em folhetins.
O Romance conta a história de Bento Santiago (Bentinho), apelidado de Dom Casmurro. Ele se apaixona por Capitu e é enviado ao seminário por sua mãe, D. Glória, para se tornar um padre. Quando ele retorna do seminário, Capitu e Bentinho se casam e tem um filho. Anos depois Bentinho começa a desconfiar que o seu melhor amigo Ezequiel e Capitu o o traíam às escondidas.


Esaú e Jacó
Sobre a obra: Esaú e Jacó é o penúltimo livro de Machado de Assis, lançado 4 anos antes da sua morte e, segundo a maioria dos críticos, em pleno apogeu literário, depois de escrever, em 1899, Dom Casmurro, o mais célebre de seus livros.
Esaú e Jacó se destaca por consolidar esta suave maestria no domínio da narrativa. O livro aborda a relação de disputa entre os filhos gêmeos de Isaque e Rebeca. A história é inspirada no livro de Gênesis, parte integrante da bíblia.


Memorial de Aires
Sobre a obra: Memorial de Aires é o último romance escrito por Machado de Assis, publicado no mesmo ano de sua morte, 1908. É considerado pelos críticos, como a obra mais azeda a ser escrita por ele, pois contém alguns elementos de pessimismo. O livro é uma possível continuação do livro Esaú e Jacó, pois o personagem Aires participa da história, anotando em seu caderno, tudo que se passa em sua vida; dando continuidade em Memorial de Aires em que o próprio personagem relata seu dia-a-dia em um caderno. O livro é uma espécie de diário, não tem um enredo único, mas compõe-se de vários episódios e anedotas que se misturam.



Rayons : Littérature générale > Romans & Nouvelles

  • EAN

    9788074840159

  • Disponibilité

    Disponible

  • Action copier/coller

    Non

  • Action imprimer

    Non

  • Partage

    Dans le cadre de la copie privée

  • Nb Partage

    6 appareils

  • Poids

    2 347 Ko

  • Distributeur

    Immatériel

  • Diffuseur

    Immatériel

  • Entrepôt

    immatériel.fr

  • Support principal

    ebook (ePub)

empty